sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

DEZ DICAS PARA SOBREVIVER A UM INCÊNDIO EM CASA - MANUAL DO SOBREVIVENTE #3

Em uma situação de sobrevivência normal, o fogo é algo que você precisa para coisas como luz, calor, proteção e a capacidade de cozinhar alimentos. Mas no caso de um incêndio residencial, ele pode se tornar seu maior inimigo e você precisa saber como escapar de um cenário como esse.

Muitas pessoas têm morrido por causa de incêndios residenciais, e se você não quer que a mesma coisa aconteça com você ou sua família, você precisa levar a sério essas dez dicas que vem a seguir.



1. Crie um plano de fuga

Em primeiro lugar, você precisa um plano de fuga. Ou mais apropriadamente, várias versões de um plano de fuga. O seu plano de fuga precisa descrever claramente quais as rotas que você pode usar para evacuar a sua casa, onde você e os demais membros da família irão se encontrar depois, e assim por diante, seu plano também precisa designar um líder e como você vai entrar em contato com as autoridades para obter ajuda.

2. Coloque escadas ou corda nos andares superiores

Se você mora em uma casa com dois os mais andares, você precisa ter escadas de emergência em cada janela. Isso não significa que você precisa ter uma escada realmente dita de cada andar, pode ser feita escadas de cordas ou até mesmo uma corda que você possa usar para evadir de sua casa caso o seu andar de baixo esteja bloqueado. 

3. Instalar e testar alarmes de incêndio

Sua casa provavelmente já tem alarmes de incêndio instalados, mas se não, instale imediatamente. Depois de ter alarmes de incêndio instalados em todos os cômodos, teste-os periodicamente para confirmar que eles ainda estejam funcionando para substituir ou reparar caso haja defeitos.

4. Invista em um extintor de incêndio

Idealmente, você deve ter vários extintores de incêndio que são fáceis de manusear todos os cômodos da casa. Enquanto um extintor de incêndio pode não ser capaz de apagar um incêndio na casa inteira, ele pode apagar um pequeno incêndio antes que se transforma em algo maior, ou pode ajudar a fornecer-lhe um caminho através das chamas.


5. Sinta o calor das portas

Uma das dica importantes para sobreviver a um incêndio é sentir a temperatura das portas antes de passar por eles. Isto é porque mesmo se não houver fogo na sala que você esteja, pode estar pegando fogo no quarto ao lado sem você perceber. Há duas etapas para descobrir se há um incêndio por trás de uma porta fechada: primeiro, observe rapidamente para ver se há alguma fumaça passando através das fendas . Se não houver nenhum, isso ainda não significa que é seguro, então você precisará sentir se a porta esta quente. Se houver calor de qualquer tipo, não é seguro passar pela porta, mas se não houver nenhum calor, cuidadosamente abra a porta aos poucos e observe, se você ainda não vê nenhum sinal de fogo, é seguro passar por ela.

6. Permanecer próximo ao chão

Esta é outra dica bem conhecida, mas vale a pena mencionar. Se você ficar próximo ao chão, você será menos vulnerável à fumaça que tende a subir. Isso não significa que você tem que ficar de barriga para baixo e rastejar, mas você deve ficar o mais baixo possível, e se for preciso ande de "quatro".

7. Mantenha sua boca e nariz cobertas com um pano molhado

Em uma casa em chamas, muitas vezes não é o fogo o maior ameaça, mas sim a fumaça. Muitas pessoas morreram em um incêndio porque respiraram muita fumaça e desmaiaram, e acabaram sendo mortas pelas chamas depois. É por isso que é absolutamente fundamental para manter sua boca e nariz cobertos em todos os momentos. Enquanto ficar próximo ao chão ajuda, na verdade cobrindo sua boca e nariz será melhor. Use as mãos se você tiver, mas um meio muito mais eficaz seria um pano molhado.

8. Não volte depois que você tiver evacuado

Uma vez que você e sua família tenham evacuado com segurança a sua casa em chamas, é fundamental que você não volte, não importa o por quê. Mesmo se você esqueceu algo valioso ou até mesmo uma pessoa ainda em perigo, deixe que a equipe de bombeiros lidem com a situação. Basta informar se há alguém ainda dentro da residência e espere pelo melhor.

9. Ter kits de emergência no lado de fora da casa

Coloque alguns kits com algum dinheiro, roupas extras, suprimentos de primeiros socorros, e assim por diante, e deixe perto das saídas para que você possa pegar assim que conseguir evadir de sua casa. Eventualmente, paramédicos e outros profissionais médicos irão chegar para ajudar, e eles vão avaliá-lo para quaisquer queimaduras, lesões ou danos internos causados pela fumaça. No caso de você ter evacuado de sua casa antes que a ajuda tenha chegado, cabe a você e a sua família para verificar e tratar qualquer dessas lesões usando um kit de emergência.

10. Prática

Por último, mas não menos importante, a melhor maneira de estar preparado para um incêndio residencial, é simular o mesmo. Assim como as escolas americanas executarão exercícios de incêndio periódicos para garantir que os alunos e professores saibam como evacuar com segurança, você deve executar exercícios similares com sua família. Desta forma sua família saberá automaticamente o que fazer caso ocorra realmente um incêndio, esse exercício pode ser o que salvará suas vidas no final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário